sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Pedro José Branco Orfão

Nome Completo : Pedro José Branco Orfão
Alcunha :
Nacionalidade : Portuguesa
Local de Nascimento:
Data de Nascimento : 21 de Novembro de 1981
Posição : Defesa Central
Altura:
Peso:
------



Percurso :
2013-2014 : Sport Clube Leiria e Marrazes - Abandonou o clube no decorrer da época.
2009-2010 :  Associaçao Desportiva Portomosense -
2008-2009 : Associação Desportiva Portomosense -
2007-2008 : Associação Desportiva Portomosense -
2006-2007 : Associação Desportiva Porrtomosense -
2005-2006 : Atlético Clube Marinhense -
2004-2005 : Grupo Desportivo e Recreativo Bidoeirense -
2003-2004 : Grupo Desportivo e Recreativo Bidoeirense -
2002-2003 : União Recreativa Mirense -

--
Mais sobre este jogador, aqui!!

2 comentários:

  1. Acho que foi formado no Atlético Marinhense

    ResponderEliminar
  2. 16ªJornada da Divisão de Honra 2012-2013
    Aldeia do Desporto, em Marrazes
    Árbitro: Nelson Pereira, assistido por Luís Querido e José Agostinho.
    Assistência: 120 espectadores.
    SCL Marrazes 5
    Treinador: Rui Bandeira.
    Sérgio; João Luís (Videira, 84m), Pedro Órfão, Miranda e João Miguel; Samuel e Bóris; Rúben e Tiago Clemente; TD (Orlando, 69m) e Cedric (Cristiano, 84m).
    Suplentes: Makê, Ednilson, Grácio e Ricardo.
    .
    ID Vieirense 1
    Treinador: Bruno Ramusga.
    Pulli; Léo (Ismael, 80m), Bruno Ferreira, Gata e Morgado (Ricardo Neto, 55m); Júlio; Letra, Milton e Luís Simões (Diogo Botas, 70m); Miguel e João Pinto.
    Suplentes: Rafa, Cristiano, Bruno Gomes e Crespo.
    .Ao Intervalo: 3-1.
    golos: 1-0, por Pedro Órfão (12m); 2-0, por TD (28m); 2-1, por Miguel (43m); 3-1, por TD (44m); 4-1, por Pedro Órfão (76m); 5-1, por Rúben (87m).
    Acção Disciplinar: cartão amarelo a Letra (12m), João Miguel (22m), Gata (54m), João Pinto (56m), Miranda (65m), Cedric (70m), Bruno Ferreira (72 e 75m) e Léo (76m).
    .
    O Marrazes entrou a todo o gás no jogo fazendo jus à liderança na Honra. A troca de bola, a grande velocidade, entre os jogadores anfitriões impunham grande respeito aos pupilos de Bruno Ramusga, que optaram por um jogo mais directo, tentando servir João Pinto e Miguel, homens mais ofensivos do Vieirense.
    Porém, aos 12 minutos, num livre directo, Pedro Órfão, abriu o activo num remate forte que levou a bola a embater na relva antes de se anichar na baliza de Pulli. O Vieirense só beneficiou de um canto e de dois livres com algum perigo, mas pouco mais.
    Aos 24 minutos, os jogadores da casa reclamaram grande penalidade por mão de um defensor adversário dentro da sua área, mas o árbitro mandou seguir. Contudo, aos 28 minutos, TD marcou após passe de cabeça de Cedric.
    Seria também através do seguimento de um livre que Miguel, de cabeça, entre outros jogadores, reduziu a diferença para o Vieirense. Mas a diferença mínima entre as duas equipas foi sol de pouca dura, porque TD alcançaria o golo mais bonito da tarde num chapéu primoroso ao 'goleiro' visitante. Pouco depois chegou o intervalo.
    No segundo tempo, a tónica do jogo foi a mesma, com o Marrazes, endiabrado, mercê da boa exibição colectiva, e com João Miguel, Tiago Clemente e Rúben a serem muito incómodos para os defensores de Vieira de Leiria.
    Samuel num remate potente ia obtendo um golo de bandeira a mais de 35 metros da baliza adversária, aos 46 minutos, assim como Rúben, a centro precioso de Samuel, teve tudo para marcar o quarto golo.
    Aos 60 minutos, no seguimento de um canto, Cedric proporcionou uma defesa espectacular a Pulli. Seguiu-se o melhor período do Vieirense e, aos 66 minutos, no seguimento de um livre, Sérgio realizou espectacular defesa de instinto evitando o golo enviando a bola para canto.
    Todavia, foi novamente Pedro Órfão que, num livre directo, bateu outra vez Pulli, para Rúben, a centro de Tiago Clemente, sentenciar o jogo no resultado de 5-1, num vistoso golpe de cabeça.
    Arbitragem positiva mas com alguns erros de Néslon Pereira e auxiliares.
    -----
    Opinião dos treinadores:
    Rui Bandeira (Marrazes): "Foi uma boa vitória, talvez um pouco expressiva. O Vieirense talvez não merecesse ser tão penalizado. Mas fomos claramente a melhor equipa em campo e vamos procurar manter a liderança".
    Bruno Ramusga (Vieirense): "Foi um grande jogo de futebol entre duas equipas a jogar ao ataque. O Marrazes fez um jogo tipo tiki-taka, a jogar muito bem pelas faixas laterais, onde destaco a grande exibição de João Miguel, para mim o melhor jogador da Divisão de Honra. A arbitragem abusou dos amarelos e expulsou um jogador nosso por ter feito duas faltas. Não esteve bem".




    Tuna Caranguejeiro (Diário de Leiria

    ResponderEliminar

Related Posts with Thumbnails