sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Cédric Matos Jorge

Nome Completo : Cédric Matos Jorge
Alcunha :
Nacionalidade : Portuguesa / Francesa
Local de Nascimento: França
Data de Nascimento : 28 de Julho de 1981
Posição : Médio
Altura: 1,84 com
Peso: 78 kg.
------


Percurso :
2013-2014 : União Desportiva de Leiria - Campeonato Nacional Séniores / Série F
2009-2010 : Grupo Desportivo de Santo Amaro - 1ªDivisão Distrital/Série Sul
2008-2009 : Torres Novas
2007-2008 : Monsanto
2006-2007 : Monsanto
2005-2006 : Monsanto
2004-2005 : GD "Os Nazarenos" -
2003-2004 : AC Marinhense -
2002-2003 : AC Marinhense -
2001-2002 : União Recreativa Mirense (emprestado pela UD Leiria) -
2000-2001 : GDR Bidoeirense (emprestado pela UD Leiria) -
-




Curiosidades :
.
Sabes mais sobre este atleta? Então ajuda-nos a ter este espaço cada vez mais completo e envia-nos para fdleiria@hotmail.com

7 comentários:

  1. acho que fez a formaçao na udleiria

    ResponderEliminar
  2. mais um jogador que tev na época errada no leiria. se fosse agora talvez tivesse feito vida na bola. o talento que o Leiria desperdiçou nestes anos

    ResponderEliminar
  3. Cédric Jorge é um atleta que jáconta com uma longa carreira no futebol e que actualmente representa a União Desportiva de Leiria ondeestá a fazer uma excelente exibição.



    - Cédric já tem uma longa carreira no futebol.Qual o momento mais marcante nestes anos?
    É muito difícil eleger um só momento passado anos e anos dedicado afazer o que mais gosto, mas de entre muitos um dos momentos quemais me marcou foi sem dúvida a passagem de júnior para séniorquando consegui alcançar o meu grande sonho que foi serprofissional de futebol!

    - Como surgiu o regresso àUnião de Leiria?
    Surgiu através do Senhor Miguel Grácio e do Mister Luís Bilro, àcerca de um ano quando o União iniciou a sua participação naprimeira divisão Distrital fui contactado pelo Sr. Miguel Grácio epelo Mister Bilro mas já me tinha comprometido com o Marrazes, oscontactos foram continuando e este ano cá estou com muito orgulho arepresentar o meu clube de coração!

    - Durante os anos deformação já vestiu a camisola Unionista. Como é voltar ao clubealguns anos depois?
    O regresso é sempre um motivo de Orgulho pois voltar a uma casaonde passei muitos e bons anos diz me muito! Foi no União quecresci como homem e me tornei na pessoa que sou hoje! É muitogratificante regressar e poder encontrar ainda pessoas que selembram de nós, pessoas com quem privamos há muitos anos atrásetc.

    ResponderEliminar
  4. - Dar o salto de um clubeDistrital e ingressar num Nacional está a serdifícil?
    Difícil não diria mas é totalmente diferente! Apesar de ter jogadomuitos anos em campeonatos Nacionais esta seria a minha 4 época anível Distrital pois a minha vida pessoal não me permitia aspirar amais, sendo que inicialmente o União era para disputar a divisão dehonra, mas com a desistência do Leiria SAD deram nos apossibilidade de ocupar a sua vaga, o que me deixou inicialmentereticente pois a responsabilidade seria maior, ritmo de jogo maiselevado e estando á 4 anos nos Distritais pensava não estar áaltura do desafio, mas felizmente as coisas tem estado a corrermuito bem tanto a nível coletivo como a nível pessoal o que medeixa bastante contente e satisfeito!

    - Já passou por váriosclubes U. Leiria, Bidoeirense, Mirense, Marinhense, Nazarenos, Monsanto, Torres Novas, Santo Amaro,Portomosense, Guiense e Marrazes. Qual o marcou mais? Eporque?
    É muito complicado eleger só um clube depois de ter estado emtantos! O que posso dizer é que todos eles me marcaram cada um àsua maneira desde o Santo Amaro onde iniciei esta grande aventurade ser jogador de futebol, União onde passei anos e onde aprendinão tudo mas muito e que me deu a possibilidade de ser futebolistaprofissional, Bidoeirense ajudou me na minha transição de futeboljovem para futebol sénior, Mirense onde me permitiu jogar comregularidade e evoluir, Marinhense dois anos totalmente diferenteso primeiro muito bom com bastantes jogos a titular o segundo o piorano que tive desde que jogo futebol, desde não ser convocado ahaver 11 jogadores seniores e ser preterido por um júnior, épocadifícil mas que me permitiu crescer e ver as coisas de maneiradiferente, Nazarenos época difícil pois descemos de divisão maspositiva pelo numero de jogos jogados, Monsanto foram 4 anosmaravilhosos sendo campeão e conquistando a 3 divisão, Torres Novasépoca difícil com poucos recursos, Portomosense época muito boa,Guiense época maravilhosa e equipa maravilhosa que me proporcionoupoder ser o melhor marcador da divisão de honra com 29 golos econseguir o titulo de melhor jogador distrital e Marrazes um grupounido de jogadores jovens que na reta final não consegui atingir oobjetivo pretendido! Todas me marcaram de uma maneira ou de outra eme fizeram crescer e evoluir e o que me deixa mais orgulhoso aindasão os amigos que fiz por onde passei, esse sim foi o melhor prémiode todos!

    - Como foi ser autor dogolo que deu a passagem à União de Leiria à segunda eliminatória daTaça de Portugal e que ainda hoje os mantém naprova?

    ResponderEliminar
  5. Foi uma sensação indescritível poder voltar a marcar com aquelacamisola o mérito é de toda a equipa que lutou até ao fim, fui eumas podia ter sido outro jogador, o mais importante foi a equipapoder ter passado a eliminatória!

    - A união está a ter uminício de campeonato muito bom, qual o segredo pra esta boaperformance?
    O segredo é o trabalho, coesão e humildade! No início da época seperguntassem a alguém qual seria o nosso papel no campeonatoNacional de seniores muitos diriam que lutaríamos para não descer!Tivemos uma pré época em que fizemos 7/8 jogos e só ganhamos 1, masas pré épocas servem para isso mesmo para preparar equipas edefrontar adversários mais fortes!



    - A União é candidata àsubida?
    A União é candidata a ganhar jogo a jogo! Pensamos um jogo de cadavez! Não nos foi imposto nenhum objetivo, o que nos pediram foipara honrar e dignificar o clube e a camisola que vestimos!Esperamos que com isso possamos fazer com que os Leirienses voltema apoiar o clube pois eles são imprescindíveis! Deixar uma palavraaos adeptos que nos acompanham domingo a domingo e que são o nosso12 jogador!

    - Aos 32 anos e com unsbelos anos de futebol, quais são os objetivos que ainda lhe faltamcumprir? E para esta época quais são?
    Com 32 anos, os meus objetivos são os mesmos que tinha quando tinha19 anos, ter saúde para continuar a fazer aquilo que tanto gosto eque tanto me dá prazer. Neste momento o meu objetivo é poder ajudara União em todos os jogos de forma a que os nossos objetivos sejamatingidos, jogando o maior número de jogos e se puder marcargolos!

    ResponderEliminar
  6. 7ªJornada Campeonato Nacional de Seniores - Série F (2013-2014)
    .
    Torreense 0
    Ricardo Fernandes, Gonçalo Costa, David Crespo, Valter Viegas, Cavalcanti, Mezenga (Luiz Cortez, 73 min.), Kaká (Botas, 76 min.), Capela, Miguel Paixão, João Vieira, Viegas (Kevin, 68 min.).
    .
    União de Leiria 1
    Maranhão, Juvenal, Luiz Carlos, André Sousa, Ricardo Cardoso, Kata, Tiago Lopes (Pepo, int.), Fábio Coça, Serginho, Hélio Vaz (Danny Rafael, 90+1 min.) e Cédric (Jota, 69 min.).

    Não jogaram: João Guerra, Luís Oliveira, Emiliano Tê, Leandro, Dário.

    Treinador: Luís Bilro.
    .
    Ao intervalo: 0-0.

    Golos: Cédric (52 min.).
    Acção Disciplinar: Amarelo a Kaká, Luiz Carlos, Hélio Vaz, Gonçalo Costa, D. Crespo, Juvenal, M. Paixão e Pepo.
    .
    A UD Leiria conseguiu um triunfo importante em Torres Vedras deixando tudo na mesma no topo da classificação já que os quatro primeiros classificados venceram os seus jogos. Numa partida pobre em termos de futebol praticado, o primeiro tempo praticamente não teve ocasiões de perigo com as defesas a superiorizarem-se aos ataques.
    Depois dos primeiros 45 minutos com poucos motivos de interesse, a segunda parte abriu praticamente com o golo leiriense, num cruzamento de Juvenal com Cédric, à segunda, a conseguir colocar o esférico no fundo da baliza de Ricardo Fernandes. Em desvantagem, o Torreense tudo fez para dar a volta ao resultado, mas os leirienses mostraram boa coesão defensiva e mesmo quando a muralha era penetrada, os avançados do Torreense mostraram pontaria desafinada.
    Vitória unionista que tem um sabor amargo para a formação de Torres Vedras que, pelo que fez na segunda parte, merecia ter chegado à igualdade. Indiferentes a isso, os leirienses somam e seguem na segunda posição do campeonato, seguindo-se a recepção ao Alcanenense.

    ResponderEliminar

Related Posts with Thumbnails